Porque Steel Framing – Steel

Porque
Steel Framing?

O Light Steel Framing é um sistema construtivo estruturado em perfis de aço galvanizado formado a frio, projetados para suportar às cargas da edificação e trabalhar em conjunto com outros sub-sistemas industrializados, de forma a garantir os requisitos de funcionamento da edificação. É um sistema construtivo aberto, que permite a utilização de diversos materiais. Sendo flexível, não apresenta grandes restrições aos projetos, racionalizado e otimizando a utilização dos recursos e o gerenciamento das perdas. É customizável permitindo total controle dos gastos já na fase de projeto, além de ser durável e reciclável. Apresenta ótima resistência à incêndio, pois é revestido por placas de gesso acartonado, material com elevada resistência ao fogo.

A utilização do aço galvanizado ZAR230, zincado de alta resistência, com 230 MPa, com 180g/m² de liga de zinco para ambientes não marinhos e com 275 g/m² de liga de zinco para ambientes marinhos, garante um ótimo desempenho contra corrosão.

Outros países já adotavam medidas básicas que parametrizavam a produção industrial. Porém a parametrização foi feita por Medidas Básicas próprias e não intercambiáveis entre si e portanto não estavam preparados para a etapa que viria a seguir: a globalização, o que trouxe diversos problemas de compatibilidade. No final da década de 60 chegou-se à uma medida básica padrão para a construção civil, foi decretado então o módulo fundamental de 600mm e com isso passam a vigorar medidas múltiplas e sub-múltiplas de 3 para a produção industrializada. Outro importante passo na compatibilidade entre materiais fabricados em diversas partes do mundo foi a adoção do SI (Sistema Internacional de medidas). A aceitação deste sistema se intensificou quando o Japão, em 1981, na condição de maior comprador e vendedor do Mundo, impôs o Sistema como condição para efetuar os negócios.

Quer saber as Principais Vantagens?

  • Tempo de obra reduzido em 50% comparando aos métodos tradicionais (alvenaria);
  • Construção a seco, não utiliza água no processo;
  • Obra com construção ecológica e sustentável;
  • Precisão orçamentária;
  • Estrutura flexível, não gera trincas e suporta até 6 pavimentos e agentes externos, como acomodações de terra, tremores, sol, chuva, ventos;
  • Melhor conforto térmico e acústico em até 3 a 4 vezes;
  • Processo industrializado ao invés dos métodos existentes artesanais;
  • Garantia dos materiais de 20 anos;